Manutenção Industrial

          A manutenção, embora despercebida, sempre existiu, mesmo nas épocas mais remotas. Começou a ser conhecida como manutenção por volta do século XVI na Europa Central, com o surgimento do relógio mecânico.

Aumentou sua importância a partir da revolução Industrial e tornou-se uma necessidade absoluta depois da Segunda Guerra Mundial.

Nos últimos anos, com o aumento da concorrência, com a globalização dos mercados, a busca incessante pela redução de custos faz da manutenção uma função estratégica nas organizações.

Podemos entender manutenção como a combinação de ações técnicas e administrativas, incluindo as de supervisão, destinadas a manter ou recolocar um item em um estado no qual possa desempenhar uma função requerida.  (NBR 5462 – Manutenabilidade e Confiabilidade)

A manutenção visa manter, por longos períodos, os ativos fixos da empresa em condições de atender plenamente a suas finalidades funcionais.

 Volta-se para a preservação de máquinas, equipamentos, instalações gerais e edificações, procurando obter de cada um o maior tempo de vida útil possível e eliminar paralisações quando estiverem em operação.

Quebra de paradigma:

No passado: O homem da manutenção sente-se bem quando executa um bom reparo. 

No presente: O homem da manutenção sente-se bem quando consegue evitar falhas.

Na década de 70 surge no Japão a denominada Manutenção Produtiva Total ou do inglês Total Productive Maintenance, originando a sigla TPM.

Esta filosofia de trabalho foi aplicada pela primeira vez na empresa Nippondenso, do grupo Toyota. Desde então este conceito vem sendo utilizado em empresas de todo o mundo, nos mais diversificados ramos industriais, sendo que o sucesso de sua implantação está diretamente relacionado ao envolvimento de todos os funcionários da empresa.

Quando bem implantada, esta filosofia proporciona ganhos de produtividade, maximiza a utilização dos ativos da empresa, aumenta os índices de disponibilidade e confiabilidade dos equipamentos, garantindo produtos de alta qualidade e preços competitivos.

Para levar excelência em Gestão da Manutenção à sua empresa, a JETA conta com os seguintes serviços de consultoria / assessoria:

-  Elaboração das estratégias de manutenção;

-Implantação do PPCM -– Planejamento, Programação e Controle da Manutenção;

-  Implantação do TPM –- Manutenção Produtiva Total;

-  Gerenciamento dos custos de manutenção;

-  Elaboração de Indicadores de Manutenção: OEE, MTBF, MTTR e outros específicos da empresa.

 

Para maiores informações sobre nossa metodologia, entre em contato pelo e-mail glaucia.sato@jetaconsultoria.com.br

Para informações sobre treinamentos, clique aqui.


         Para informações sobre palestras, clique aqui.

JETA CONSULTORIA & TREINAMENTO EM GESTÃO EMPRESARIAL © Todos os direitos reservados

  Site Map